Pão

O pão nosso de cada dia, o pão da vida, o pãozinho do café da manhã. Feito basicamente de farinha de trigo, água e fermento, o pão está presente na história desde os tempos mais remotos.

Hoje, com receitas mais elaboradas e novos ingredientes, é consumido no mundo todo, pela maioria dos povos. Além de alimentar o corpo físico, o pão simboliza, no sentido religioso, renovação e prosperidade.

Uma coisa é certa: ninguém dispensa um pão quentinho em qualquer momento do dia. Vamos conhecer agora a origem, curiosidades, significados e simbolismos do mais popular dos alimentos.

símbolo pão

A origem do pão

Há várias hipóteses sobre a origem do pão, mas sabe-se que surgiu há milhares de anos. Explorações realizadas por arqueólogos da Universidade de Copenhague, Dinamarca, concluíram que, há mais de 14 mil anos, na Jordânia, já se fabricava um pão em estado mais bruto, com um trigo ainda selvagem.

Mas foram os egípcios, por volta de 4.000 a.C, que aprimoraram “a receita” e desenvolveram a arte de fazer pão fermentado, bem semelhante ao que consumimos hoje.

Registros encontrados em pinturas de 2.500 a.C em tumbas de faraós, mostram o processo rudimentar de fabricação de pães na época.

O pão na História

Um rápido passeio pela História e vemos a presença do pão em diversos acontecimentos marcantes. Na Bíblia, ele é citado várias vezes, inclusive nas pregações de Jesus.

Na Roma Antiga, chamava-se “Pão e circo” (Panis et circensis) a política com que os imperadores continham a insatisfação e as revoltas populares, oferecendo a eles comida e diversão.

O pão também é citado na Revolução Francesa, quando Maria Antonieta, esposa de Louis XVI, rei da França, ao ver a população faminta em frente ao seu Palácio, anuncia:

Veja também. Significado do símbolo ->  Raio

– Se não têm pão, que comam brioches!

Não há provas de que tal fato realmente aconteceu, mas Maria Antonieta, acabou decapitada.

Simbolismo do pão na Bíblia

Há várias passagens da Bíblia em que o pão é citado ou está no centro dos acontecimentos. Em uma delas, Deus fala para Adão, ao expulsá-lo do Paraíso:

“Com o suor de teu rosto, comerás teu pão”. Outra aparição do pão no Livro Sagrado acontece no “milagre da multiplicação de pães e peixes”, por Jesus, para saciar a fome da multidão que o seguia:

“Jesus, então, tomou os pães e, havendo dado graças, repartiu-os pelos que estavam reclinados; e, de igual modo, os peixes, quanto eles queriam.” (João 6:21)

Nessa ocasião, Ele falou aos fiéis sobre a importância da fé como alimento espiritual:

“Eu sou o pão da vida; aquele que vem a mim, de modo algum terá fome, e quem crê em mim jamais terá sede”. (João 6:65)

Em outra passagem, sofrendo tentações no deserto, Jesus teria bradado a Satanás: “Não só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que procede da boca de Deus”. (Mt 4:4).

Veja também o significado do símbolo Peixe.

O pão no Cristianismo

Para os cristãos, o pão representa bem mais do que um alimento para o corpo. É um alimento para a alma.

Ele está presente no “Pai Nosso”, a mais conhecida oração cristã, em que se pede a Deus: “O pão nosso de cada dia, nos dai hoje”, uma referência à importância desse alimento para nosso sustento.

Veja também. Significado do símbolo ->  Estrela

Além da cruz, sua referência máxima, o peixe, o pão e o trigo são símbolos da fé cristã. Enquanto a cruz representa o sacrifício de Cristo pela salvação da humanidade, o pão simboliza a sua ressurreição, a continuação da vida e a imortalidade.

Simbologia do pão na Santa Ceia

Em sua última ceia com os apóstolos, Jesus partilhou pão e vinho, lembrando serem estes o seu corpo e o seu sangue, ofertados pela salvação dos homens.

O ato de partilhar o pão tornou-se, assim, um sacramento cristão. Na celebração eucarística da missa católica, esse gesto é repetido pelo padre, antes de consagrar a hóstia. Hoje, tanto para os católicos quanto outras religiões, o ato de repartir o pão é compartilhar a fé e celebrar a união.

Veja também os significados dos símbolos Vinho e Sangue.

O que é o pão ázimo?

Também chamado de matzá, o pão ázimo é um pouquinho diferente do tradicional, pois é assado sem fermento. Para os judeus, ele representa o sagrado, pois foi preparado pelos israelitas antes da fuga do Antigo Egito.

Faz parte dos mandamentos dos judeus comer o pão ázimo na Páscoa Judaica (Pesach), em substituição ao pão tradicional, pois, segundo suas leis, não é permitido consumir fermentados nessa época.

O que significa sonhar com pão

Para interpretar o pão nos sonhos, é preciso buscar o simbolismo desse alimento. Por ser considerado o mais básico dos alimentos, ou seja, essencial para a sobrevivência, sonhar com pão está relacionado a trabalho, prosperidade e sucesso. Geralmente indica bons presságios, pois simboliza prosperidade, renovação e fartura.

Veja também. Significado do símbolo ->  Shiva

Mas, atenção: de acordo com o estado do pão no sonho, representa a conquista (ou perda) de algo almejado. Por isso, se você sonhar com um pão duro, mofado ou amanhecido, isso indica possíveis dificuldades na área financeira ou profissional.

Símbolo do pão na expressão popular

Além de figurar no cardápio de diversos povos, o que o torna o mais democrático dos alimentos, nosso vocabulário está repleto de expressões relacionadas ao pão.

Sobre o trabalho que nos sustenta, chamamos de “ganha-pão”. E a respeito de alguém que é muito direto em suas atitudes, dizemos que é “pão, pão, queijo, queijo”.

No sentido positivo, “pão” indica um homem charmoso. No sentido negativo, alguém mesquinho e egoísta é chamado de “pão-duro”.

Ainda nas expressões, “ficar a pão e água” significa estar na miséria. E passar por maus bocados, “é comer o pão que o diabo amassou”.

Depois de tantas histórias e curiosidades sobre esse popular alimento, aposto que você também está com vontade de comer um pãozinho. Então, conta pra gente: de que jeito você prefere o seu?

Veja também: